Bahia vence América-MG, deixa o Z4 e empurra o Coelho para a lanterna do Brasileirão

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Em má fase, o América-MG perdeu para o Bahia por 3 a 1 neste domingo (6), em duelo válido pela 18ª rodada da Série A, e se afundou ainda mais no Campeonato Brasileiro.

Os gols do Tricolor de Aço na Fonte Nova, em Salvador, foram marcados pelos atacantes Everaldo e Rafael Ratão e pelo meia-armador Cauly. Já o Coelho balançou a rede com o centroavante Gonzalo Mastriani.

Com a derrota, o América deixou ainda mais crítica sua situação no Brasileirão. Dada a vitória do Vasco na rodada, o time de Vagner Mancini voltou para a lanterna da competição, em 20º, com apenas 10 pontos.

O Bahia, por sua vez, ultrapassou o Santos e deixou a zona de rebaixamento. Com a vitória sobre o Coelho, o tricolor subiu para a 16ª posição e chegou aos 18 pontos.

O jogo

O Bahia começou melhor a partida em relação ao América, com mais posse de bola e ações próximas ao gol de Mateus Pasinato. Aos 15 minutos, o Tricolor de Aço já havia finalizado três vezes, mas foi o Coelho que criou a primeira grande chance do jogo. Felipe Azevedo tabelou com o meia Juninho e chutou de voleio. O goleiro Marcos Felipe foi obrigado a pular para fazer bonita defesa.

O Bahia descontou. Aos 26 minutos, o lateral-esquerdo Camilo Cándido recebeu passe na ponta e fez grande jogada, com direito a caneta no lateral-direito Daniel Borges. O defensor tricolor invadiu a área e rolou para Everaldo. De primeira, o centroavante finalizou no canto oposto de Mateus Pasinato para abrir o placar do jogo: 1 a 0.

Mesmo com superioridade no placar, o Bahia continuou melhor na partida. Autor do primeiro gol do jogo, Everaldo voltou a incomodar a defesa do América em duas oportunidades. Na primeira, aos 37 minutos, o meia Cauly fez cruzamento para a área e o artilheiro finalizou por cima.

Na segunda, aos 42 minutos, o armador do tricolor avançou pela direita e cruzou rasteiro. O centroavante dominou e chutou em cima do zagueiro Éder.

Segundo tempo

Assim como foi no primeiro tempo, o Bahia se impôs sobre o América no começo da segunda etapa. Porém, aos sete minutos, em falta cobrada pelo meia Martín Benítez pela esquerda, Gonzalo Mastriani venceu a defesa tricolor no alto e cabeceou para o fundo das redes. A arbitragem revisou o lance durante quatro minutos, mas validou o gol de empate alviverde: 1 a 1.

Com a igualdade no placar, o Bahia continuou em cima do América. Aos 15 minutos, o Tricolor de Aço recuperou a bola no meio do campo e acionou Cauly. O meia progrediu em velocidade e, com espaço, invadiu a área. De esquerda, finalizou no canto de Mateus Pasinato, que não conseguiu fazer a defesa: 2 a 1.

Com o tempo, a situação piorou para o América. Aos 19 minutos, o zagueiro estreante Esteban Burgos puxou o centroavante Everaldo e impediu a ligação de um contra-ataque. O árbitro interpretou que o lance era digno de punição. O juiz aplicou um cartão amarelo — o segundo do argentino no jogo — que resultou na expulsão.

Próximos compromissos

O América voltará a entrar em campo às 21h (de Brasília) desta quinta-feira (10), mas pela Sul-Americana. O Coelho enfrenta o Red Bull Bragantino, em duelo de volta das oitavas de final. Após empatar por 1 a 1 no Independência, o time do técnico Vagner Mancini jogará no Nabizão, em Bragança Paulista.

O Alviverde Mineiro retorna as atenções para o Campeonato Brasileiro somente no próximo domingo (13), às 16h (de Brasília), quando enfrenta o Goiás, pela 19ª rodada. O jogo poderá dar sobrevida ao América na competição, visto que o Verdão do Centro-Oeste também luta contra o rebaixamento neste fim de primeiro turno.

Já o Bahia vai a Belo Horizonte para enfrentar o Atlético, às 11h (de Brasília) do próximo domingo (13), no Mineirão. O confronto será válido pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Diferentemente do América, o Tricolor de Aço não disputa uma outra competição além da Série A.

Bahia 3 x 1 América

Bahia: Marcos Felipe; Gilberto, Kanu, Victor Hugo e Camilo Cândido; Rezende, Thaciano e Cauly; Rafael Ratão, Ademir e Everaldo. Técnico: Renato Paiva.

América: Mateus Pasinato; Nicolas, Burgos, Éder e Daniel Borges (Rodriguinho); Javier Méndez (Iago Maidana), Martínez e Juninho; Felipe Azevedo (Martín Benítez), Pedrinho e Mastriani (Paulinho Bóia). Técnico: Vagner Mancini.

Gols: Everaldo (26min 1ºT), Cauly (15min 2ºT), Ratão (24min 2ºT), do Bahia; Mastriani (7min 2ºT), do América.

Cartões vermelhos: Burgos (20min 2ºT), do América.

Data e horário: 6 de agosto de 2023 (domingo), às 18h30 (de Brasília).

Local: Fonte Nova, em Salvador-BA.

Motivo: 18ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Árbitro: Matheus Delgado Candançan (SP).

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA/SP) e Daniel Luis Marques (SP).

Árbitro de vídeo: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (VAR-FIFA).

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

source
Fonte : CNN BRASIL

Leia Também

Deixe seu Comentário