Filha de Olivia Newton-John revela que viu espírito da mãe em foto

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

A atriz Olivia Newton-John, mais conhecida por seu papel como Sandy em “Grease”, faleceu há um ano, no dia 8 de agosto, vítima de câncer. Nesta terça-feira (8), no aniversário de sua morte, a filha da atriz revelou ter “reencontrado” com a mãe, mesmo após sua partida.

Em entrevista à People, Chloe Lattanzi confessou que, dias após o falecimento de Olivia, ela viu o espírito da mãe na forma de uma “esfera de luz azul”.

“Duas semanas depois que ela faleceu, meu telefone acidentalmente tirou uma foto do meu cachorro, e flutuando perto de sua cabeça estava uma pequena esfera azul, da mesma cor que esta”, contou Chloe, referindo-se a um pingente de água-marinha que seu padrasto, John Easterling, deu de presente para sua mãe. Newton-John teria entregado o objeto para a filha pouco antes de falecer.

A forma com que o espírito de Olivia apareceu para a filha teria sido surpreendente, especialmente porque a atriz já havia falado sobre isso anteriormente. “Mamãe e eu conversamos anos atrás. Assistíamos a esses shows paranormais e eu dizia: ‘Você tem que aparecer para mim’. E ela dizia: ‘Vou aparecer como uma daquelas esferas’”, detalhou Lattanzi.

O marido da eterna Sandra Dee, John Easterling, também teve uma experiência parecida com a da enteada. Dois meses atrás, ele visitou o Peru com as cinzas de sua esposa para realizar uma cerimônia privada no local onde eles se casaram. A data comemoraria o que seria o 15º aniversário de casamento do casal.

“Tirei uma foto e esta esfera azul está bem entre meus olhos. Tem sido um ano sobrenatural”, afirmou. Um ano após a perda, Easterling reforçou que tenta viver de acordo com o que a esposa pregava. “Não há como substituí-la. Eu tenho que parar e apenas agradecer. Ela quer que vivamos a vida e amemos a vida e nunca percamos de vista as coisas boas”, acrescentou ele.

Olivia com a filha Chloe e o marido, John. (Foto: Getty)
Continua depois da Publicidade

Ícone do cinema e do pop

Olivia Newton-John morreu em sua casa em Santa Ynez, na Califórnia, aos 73 anos, após uma longa jornada de 30 anos contra o câncer de mama. A atriz foi diagnosticada pela primeira vez com a doença em 1992, e enfrentou uma recorrência do câncer em 2013. Em 2017, Olivia revelou ao mundo que metástases teriam atingido seu sacro (um osso triangular localizado na base da coluna vertebral), dificultando os movimentos.

Ao longo dos anos sob os holofotes, a australiana foi reverenciada por seu papel como Sandy em “Grease – Nos tempos da Brilhantina”, filme em que atuou ao lado de John Travolta, bem como o musical “Xanadu”. Ela também marcou o mundo da música com o hit atemporal “Physical”.

Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques


source
Fonte : Hugo Gloss

Leia Também

Deixe seu Comentário