Cantor está sendo acusado de agressão sexual.

Nick Carter - Foto: Reprodução / Instagram
Nick Carter – Foto: Reprodução / Instagram

O cantor Nick Carter, 43 anos, comentou a nova acusação de assédio sexual feita contra ele. Segundo informações do TMZ, um portal de notícias dos EUA, desta quarta-feira (30), o integrante do grupo Backstreet Boys negou qualquer abuso contra a vítima em um iate. Na ocasião, ela tinha 15 anos e ele 23.

Em seu relato, a suposta vítima afirma que Nick a forçou ter relações com ele em um iate e em um ônibus após oferecer álcool a ela. Nick negou todo o ocorrido, alegando que o processo é cheio de besteiras. Essa é a terceira acusação de assédio contra Carter por agressão sexual.

A defesa de Nick disse ao TMZ que quando a mulher fez suas acusações contra Nick há duas décadas, as autoridades investigaram e não encontraram provas para seguir com o processo. Segundo o advogado de Carter, a suposta vítima está“repetindo as mesmas alegações falsas em uma nova queixa legal”, mas diz que isso “não as torna mais verdadeiras”.

Além deste caso, Nick também está sendo acusado por uma mulher chamada Shannon Ruth, que entrou com uma ação em dezembro alegando que ele a agrediu sexualmente depois de um show em 2001, quando ela era menor de idade. A cantora Melissa Schuman também está processando Nick por uma suposta agressão sexual em 2002. Ele nega as acusações em ambos os casos. Sua defesa diz que ele está “ansioso para que as evidências sejam apresentadas e que a verdade sobre esses esquemas maliciosos venha à tona”.

Carlos Germano


source
R7

Ouça a Rádio Piranhas FMRádio Piranhas FM pelo RadiosNet. #OuvirRadio