No Sertão, Delegado da Polícia Civil, agride Menor a socos, e termina exonerado do cargo

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Familiares de um adolescente de 14 anos registraram um boletim de ocorrência contra o delegado Rodrigo Pinheiro, da Delegacia de Polícia Civil de Piancó, acusando-o de agressão. O incidente ocorreu na manhã de segunda-feira (28) no bairro Campo Novo.

Segundo a denúncia, o delegado teria invadido a residência do adolescente e desferido socos após uma briga escolar envolvendo o jovem e a filha do próprio delegado.

Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram o estudante com um corte na gengiva e três dentes quebrados. A Polícia Militar conduziu o menor e sua mãe até Patos, onde foram elaborados o boletim de ocorrência e o exame de corpo de delito.

Em resposta, a Delegacia-Geral da Polícia Civil anunciou a exoneração imediata do delegado do cargo. Maíra Roberta, chefe de Gabinete da Delegacia-Geral, informou que dois delegados foram designados para conduzir as investigações. “A vítima está sendo ouvida, os depoimentos coletados e a vítima encaminhada para exames de corpo de delito. As investigações estão sendo conduzidas em Patos pelos delegados Paulo Ênio e Cristiano”, declarou.

O caso gerou duas investigações: uma interna, pela corregedoria da Polícia Civil, para possíveis sanções administrativas; e outra na esfera criminal, realizada pela Delegacia Regional de Patos.

Em sua defesa, o delegado Rodrigo Pinheiro alegou que agiu após sua filha ter sido agredida.

Fonte: wscom


source
Fonte : Repórter PB

Leia Também

Deixe seu Comentário