Brasil

Polícia identifica pessoa que atirou contra fiéis de igreja evangélica nos EUA

A polícia de Houston, no Texas, revelou a identidade da pessoa que abriu fogo contra evangélicos da Igreja Lakewood, nos Estados Unidos (EUA). Trata-se de Genesse Moreno, trans de 36 anos, informou a emissora Fox News, nesta segunda-feira, 12.

Moreno tem extensa ficha criminal quando ainda não se identificava como uma pessoa LGBT+. Seu nome de batismo era Jeffrey Escalante. Os documentos dizem que nasceu em El Salvador. Os antecedentes dão conta de condenação por agressão a uma policial em 2009 e falsificação no ano seguinte.

Conforme a imprensa norte-americana, Moreno morreu depois de dois vigilantes, fora de serviço, reagirem ao ataque, que mirou os fiéis. Uma criança de 5 anos, que acompanhava Moreno, ficou ferida, além de um homem de 57 anos.

Rifle de atiradora trans que abriu fogo contra igreja nos EUA carregava a mensagem “Palestina Livre”

tiroteio texas Lakewood Church
Dezenas de viaturas policiais foram para as proximidades da Lakewood Church, em Houston, Texas, depois do tiroteio na tarde de domingo, 11 de fevereiro | Foto: Reprodução/YouTube

Segundo os investigadores, a mensagem “Palestina Livre” estava escrita no rifle usado no ataque.

A residência apontada pela investigação como moradia de Genesse, ao norte de Houston, está sendo investigada por membros do FBI, dos Texas Rangers, do Gabinete do Xerife do Condado de Montgomery e dos Departamentos de Polícia de Conroe e Houston nesta segunda-feira.

O pastor da igreja, Joel Osteen, publicou uma nota no Twitter/X em que lamenta o ataque. “Nossa comunidade está devastada pelos acontecimentos de hoje e grata pelas ações rápidas das autoridades”, disse Osteen. “Que as mãos curadoras de Deus toquem a vida de todos os envolvidos e proporcionem conforto durante este momento difícil.”

+ Leia mais notícias sobre o Mundo em Oeste


source
Fonte : Revista Oeste

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *