O maquiador Rico Tavares foi encontrado nesta quinta-feira (24), no Rio de Janeiro, após dois dias desaparecido. O sumiço do profissional repercutiu nas redes sociais assim que várias famosas divulgaram o caso. Ele já trabalhou com Cláudia Ohana, Letícia Spiller, Danni Suzuki, Regina Casé, Fabiula Nascimento, entre outras estrelas.

Segundo informações da polícia, divulgadas pelo g1, Rico foi atropelado em Vista Alegre, São Gonçalo, na Região Metropolitana, e está internado em estado grave no Hospital Alberto Torres. A clínica informou que ele teve uma lesão na cabeça e outra na coluna cervical, por isso, está intubado.

Continua depois da Publicidade

Tavares foi localizado por agentes da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA), após a análise das câmeras de segurança da Rodovia Amaral Peixoto. Nas imagens, Rico está na altura de Itaipuaçu, em Maricá, quando sai do carro e entra em um estabelecimento comercial. Mais tarde, o veículo segue para São Gonçalo. Quando foi encontrado, o maquiador já estava desacordado. Ele foi socorrido por uma equipe do Corpo de Bombeiros.

A polícia continua investigando o caso para entender as circunstâncias do atropelamento e encontrar o carro da vítima.

Nas redes sociais, as atrizes amigas de Rico comemoraram a descoberta de seu paradeiro. “Eu queria agradecer, especialmente, o trabalho excepcional da Polícia Civil. Desde essa madrugada, quando a gente começou. Eu corri em todas as casas do Ricardinho, tentando encontrar um paradeiro. E a gente acabou correndo para a Polícia Civil. Muito obrigada pela eficiência”, disse Suzuki nos stories.

Continua depois da Publicidade

Já Regina Casé também se manifestou sobre a notícia. “Ricardo foi localizado num hospital onde está intubado em estado muito grave desde terça-feira e deu entrada como atropelamento. Ainda não temos mais detalhes, mas vamos continuar rezando firme por sua recuperação”, escreveu a apresentadora. Que a recuperação seja rápida e completa!

Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques


source
Fonte : Hugo Gloss

Ouça a Rádio Piranhas FMRádio Piranhas FM pelo RadiosNet. #OuvirRadio