5a400b96e369103044290601081d9660 - Vereador Marcos Henriques defende revitalização do Centro Histórico: "está totalmente desabitado"

Foto: Reprodução

A revitalização do Centro Histórico da Capital foi um dos temas abordados no pronunciamento do vereador Marcos Henriques (PT), na sessão desta terça-feira (8), da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP). O parlamentar afirmou que o Centro Histórico precisa de segurança pública, investimentos, habitação e turismo.

“O Centro Histórico está totalmente desabitado. Empresas não estão tendo incentivo para investir na região e a segurança pública tem sido notadamente um problema”, destacou o parlamentar, acrescentando que os ônibus de turismo não vão mais ao local por falta de segurança. Marcos Henriques fez questão de ressaltar que o problema na segurança se dá pela desestruturação da força, que necessita de mais policiais e, consequentemente, da realização de concurso público.

Mas, para o parlamentar, o problema do Centro Histórico não se resume à falta de segurança e, para revitalizar a região é preciso desenvolver também a habitação e o turismo do local. “Temos 150 imóveis desabitados. Sabemos que a cidade nasceu aqui e a gente precisa habitar, revitalizar, oferecer crédito, oferecer turismo e a gente não vê estratégias para isso”, lamentou o vereador. Ele adiantou ainda que vai apresentar um projeto de Indicação ao Executivo Municipal para a rodoviária da Capital.

O vereador Coronel Sobreira (MDB) parabenizou o parlamentar pela abordagem e visão ampliada do tema. “De fato, o problema não é segurança, é maior. Os gestores precisam observar e trazer para o Centro os serviços públicos. É fundamental. As empresas privadas estão indo embora. De forma muito acertada decidiu-se manter a Câmara aqui. Que outros chefes de poder tenham a mesma visão”, afirmou.

“Gostaria de me acostar integralmente à fala de vossa excelência e me somar para que lutemos juntos”, afirmou o vereador Milanez Neto (PV), destacando que não se pode construir o presente e futuro destruindo o passado.

 

Compartilhe:

source
Fonte : Polemica Paraíba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *