O técnico Vagner Mancini não resistiu à má fase no Campeonato Brasileiro e deixou o comando do América-MG. O Coelho perdeu por 3 a 1 para o Bahia neste domingo (6), em duelo válido pela 18ª rodada da Série A.

Membro do Conselho de Administração do clube, Euler Araújo fez o anúncio logo após o término do confronto na Fonte Nova, em Salvador.

Conversamos agora com o Mancini no vestiário. Entendemos que o ciclo se encerra. Antes de tudo, quero enaltecer o trabalho do Mancini durante esse período que ele esteve no América. Ele elevou o patamar do América. Trouxe um sentimento de coragem, de agressividade. Acho que o fato de termos atingido esse patamar tem muito a ver com ele. Infelizmente, entendemos que, agora, precisamos de uma mudança

Euler Araújo, dirigente do América-MG

“Decisão foi tomada agora. Não temos nomes”

“Vai ser muito difícil de conseguir essa mudança sem a presença do Mancini. Mais uma vez, fica nosso agradecimento. Desejamos a ele sucesso na continuidade da carreira. Essa decisão foi tomada agora. Evidentemente, não temos nomes. Amanhã, começaremos a estudar. Chegando em Belo Horizonte, me reúno com o Salum, com o conselho, para vermos os nomes que tem no mercado”, finalizou.

Apesar do bom desempenho em copas, Mancini não conseguiu bons resultados no Brasileirão.

Com a derrota para o Bahia, o América se afundou ainda mais na tabela e desceu para a última colocação, com apenas 10 pontos. Além disso, o Coelho tem a pior defesa da Série A de forma isolada, com 40 gols sofridos — sete a mais que o Coritiba, vazado 33 vezes.

Trajetória de Vagner Mancini no América-MG

Contratado em abril de 2022, Mancini fez 93 jogos nesta segunda passagem pelo América. No total, venceu 37 partidas, empatou 11 e perdeu 35 confrontos — 47,3% de aproveitamento.

No ano passado, ajudou o clube a se classificar pela segunda vez consecutiva a uma competição internacional ao terminar o Campeonato Brasileiro em oitavo, com 53 pontos — dois a menos que o oitavo, Fortaleza.

Neste ano, o América chegou à decisão do Campeonato Mineiro após eliminar o Cruzeiro na semifinal. Porém, foi derrotado para o Atlético nos jogos de ida e de volta e ficou em segundo lugar.

Na Copa do Brasil, foi eliminado nas quartas de final para o Corinthians, nos pênaltis. Em contrapartida, o Coelho continua vivo na disputa pela Sul-Americana.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

source
Fonte : CNN BRASIL