Geral

Jade Picon revela que foi vítima de assédio aos 15 anos durante intercâmbio: “Foi um terror”; assista

Jade Picon relembrou um momento de terror pelo qual passou quando tinha apenas 15 anos. Durante uma conversa com a psicanalista Manuela Xavier em seu canal do YouTube, divulgada nesta quinta-feira (7), a influencer revelou ter sofrido assédio de um homem na Inglaterra. O fato ainda virou caso de polícia.

A ex-BBB falava sobre superstições e intuição quando se abriu sobre o episódio traumático. “Eu já tive uma experiência que foi muito marcante na minha vida, porque eu fui assediada”, começou. Segundo Jade, ela estava em um intercâmbio no Reino Unido, quando foi abordada por um sujeito estranho.

“Eu sempre fui mais sensível com intuições, mas eu não trabalhava isso muito em mim, eu meio que ignorava. Até que um dia eu tava fazendo um intercâmbio na Inglaterra e eu estava voltando da escola pra subir no meu prédio e eu vi que tinha uma pessoa parada na frente do prédio. Eu estava com duas amigas. Eu estranhei essa pessoa”, narrou.

Continua depois da Publicidade

O prédio precisava de um cartão para abrir a porta, contudo, o homem aproveitou que as adolescentes estavam entrando no imóvel e passou pela porta. “O prédio precisava de um cartão pra bater. Eu já estranhei o fato dessa pessoa esperar a gente entrar e entrar na carona. Eu já tava meio que sentindo uma coisa estranha. Na hora que eu vi um corredor e um elevador, meio que eu falei: ‘Cara, não entra’. Era como se algo me puxasse pra trás, foi muito bizarro, parecia que tudo ficou em slow motion”, descreveu.

Apesar do sexto sentido ter enviado um alerta, a empresária não se sentiu confiante para fugir do local. “Só que eu falei: ‘Como que eu vou explicar para as minhas amigas que a gente não vai entrar nesse elevador?’. Eu tinha 15 anos, 16 anos. Eu fiquei com vergonha, pensei: ‘Eu tô louca’. E aí não deu outra… A gente entrou e ele entrou, ele passou a mão na gente, foi um terror”, contou. E acrescentou: “Chamamos a polícia e foi bem caótico, traumático”.

Para Jade, o episódio teve um lado positivo, já que, depois disso, ela aprendeu a respeitar sua intuição. “E aí eu falei: ‘Eu nunca mais não vou me escutar’. Eu acho que tudo o que acontece, tudo de trauma é ruim, mas você precisa pra até dar um sentido na sua vida e tirar algo de bom, uma lição boa. E essa foi a lição que eu tirei desse acontecimento”, concluiu. Assista ao papo completo abaixo:

Siga a Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossos destaques

source
Fonte : Hugo Gloss

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *